Era uma vez um guarda-chuva....


O guarda chuva é algo mágico, que serve para muito mais que nos proteger da chuva(...)


Seja num desenho, na ficção ou num terreno fértil de criatividade, o guarda-chuva guarda além da chuva, os nossos segredos e mistérios tantos, que cabem perfeitamente embaixo dele.


Você conta seus segredos para qualquer um?


Você abriga qualquer um sob seu guarda-chuva?


Bem Vindos ao My Umbrella...

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Começo...

Entro no ônibus e sento. E ele pára a certa altura do caminho. O caderno de anotações está em meu colo enquanto procuro a caneta. Aproveito o momento e começo. Temos a data, e o manhã para que eu mesma me lembre. São eles. Os questionamentos. E fecho os olhos, e deixo a àgua cobrir meus ouvidos. Daqui para a frente não existirá ônibus, só a chuva, as janelas, é a àgua falando. As pessoas desaparecerão, e o balanço do ônibus não cessará a caneta. Estarei em transe em prováveis 9 pontos, até minha descida. Esta é minha despedida de um momento são, para o outro, que ainda não sei o que é.

Entre os meus questionamentos, não estão em primeiro lugar o que é certo ou errado. O errado para mim, sempre foi ir contra minha alma. A única coisa pior que pode ocorrer é eu violentar minha própria alma. Fico nos questionamentos sempre me perguntando pelo depois. O que sentir depois, fazer depois, esperar depois. O errado é fazer alguém sofrer, machucar. E minha mania de colocar o outro em minha frente me faz esquecer de minhas próprias promessas. Existe uma promessa que me fiz há tempos... Cuidar de mim. Eu não preciso salvar nem cuidar de ninguém. Talvez nem deva me preocupar em me salvar. A minha única conduta deve ser me fazer bem. Voltando ao depois, posso esclarecer o estar presa ao futuro( não estou presa ao passado como a maioria), por isso me questiono, preciso escolher o melhor, para não sofrer futuramente. Mas, enquanto estou me questionando, não vivo.

2 comentários:

Garotinha Ruiva disse...

Tem muito mais por vir.

Lacobos disse...

" A única coisa pior que pode ocorrer é eu violentar minha própria alma."

Sim, o único pecado que existe no Mundo é irmos contra nossa vontade...

E como diz em seu comentário, espero o mais por vir!
=D

Bjs

=***