Era uma vez um guarda-chuva....


O guarda chuva é algo mágico, que serve para muito mais que nos proteger da chuva(...)


Seja num desenho, na ficção ou num terreno fértil de criatividade, o guarda-chuva guarda além da chuva, os nossos segredos e mistérios tantos, que cabem perfeitamente embaixo dele.


Você conta seus segredos para qualquer um?


Você abriga qualquer um sob seu guarda-chuva?


Bem Vindos ao My Umbrella...

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Dias Iguais - Luiza Possi

 Estava na frente do espenho, no quadrado, no cubículo de uma loja Marisa experimentando roupas. Quando começou a tocar esta música antiquíssima. Naquela luz estranha, que é de ambos os lados do espelho, quando vc aproxima o rosto, pode ver um pequeno quadrado liminoso, que envolve a pupila. Quase uma janela. E naquela luz, qualquer pessoa sentir-se-á mais bela.... Não sei se isso é proposital. Mas as músicas antigas são um elo forte do passado. Muito intensas.
 
 
Se eu quiser me convencer
Tudo pode ser então,
Um bom motivo pra eu desistir
Se eu tiver que te dizer
Tudo pode ser em vão
Tudo que eu já sofri
Já tentei esquecer
Fingir que vai mudar
Que com o tempo vai passar
Mas é sempre igual
Ninguém pode saber
O quanto eu penso e sinto por você
Mas é sempre assim
Tenho medo de dizer
Que sem você aqui
Os meus dias são sempre iguais
Eu só penso em você 
Mesmo se quiser tentar
Você nunca vai entender
Porque tantas vezes eu chorei
Mas se eu puder sonhar
Com um dia perfeito pra mim
Vai ser tudo como imaginei
Já tentei esquecer
Fingir que vai mudar
Que com o tempo vai passar
Mas é sempre igual
Ninguém pode saber
O quanto eu penso e sinto por você
Mas é sempre assim
Tenho medo de dizer
Que sem você aqui
Os meus dias são sempre iguais
Eu só penso em você 
Eu só penso em você
Já tentei esquecer
Fingir que vai mudar
Que com o tempo vai passar
Não consigo me enganar
Mas é sempre igual
Tenho medo de dizer
Mas é sempre igual
Tenho medo de dizer
Eu só penso em você 
Eu só penso em você 
Eu só penso em você
Eu só penso em você 
Eu só penso em você...


2 comentários:

Bruna Landim disse...

Eu gosto muito da voz, da pessoa e das músicas delicadas que a Luiza Possi faz, respeito muito ela como artista e intérprete. Boa notícia ver um post seu fazendo uma homenagem aos artistas no nosso século XXI. Precisamos parar de idealizar o passado de Chico, Caetano e Elis e ver o presente que nos presenteia com bons artistas e boas músicas.

pessoa que nao se toca disse...

Eu nao quero meus dias sempre iguais..